Follow:
Comidas Típicas, Enogastronomia, Tradições

Em Bolonha é época de doces de carnaval

Chegou fevereiro e as vitrines das fornerias e padarias de Bolonha se enfeitam com doces de carnaval.

No calendário católico, o Carnaval é um conjunto de festas que precediam o mais importante e longo período de jejum e abstinência: a Quaresma.

Propostas gastronômicas salgadas e doces estavam entre os elementos mais importantes desta festa e, com diferentes formas e significados, estão ainda hoje.

Em um país católico com a Itália a data era a desculpa ideal para fazer um comilança antes de iniciar o jejum.

E ainda hoje em dia comer para variar é o jeito que o italiano encontrou para comemorar o período.

Eu como uma boa comilona certamente não ia ficar de fora dessa comemoração toda.

Mesmo sabendo que não irei jejuar,  essa semana resolvi experimentar a rainha do carnaval bolonhês: le sfrapolle.

Meus planos é cair na folia “à italiana” até o carnaval chegar e poder experimentar de tudo um pouco.

Tradição

Por tradição os doces de carnaval tem alguns aspectos em comum: são fritos e cobertos de açúcar de confeiteiro.

No passado o açúcar era usado para quem podia pagar, aos pobres era reservado o mel.

O uso da gordura e fritura também tem um aspecto cultural. Era o tipo de cozimento mais usado na idade média.

Doces de carnaval tipicamente Bolonhês

Le sfrapolle

 

Le Sfrapolle na vitrine de uma forneria com o preço

Le Sfrapolle na vitrine de uma forneria

O “clássico dos clássicos” dos doces de carnaval. Muda de nome conforma a região: na maior parte da Itália é conhecido como “chiacchere” que significa bate-papo em português. São massas que lembram uma massa de pastel, porém mais fina, quebradiça e derrete na boca. São fritas e servidas cobertas com açúcar de confeiteiro.

Le raviole

Le raviole tipico doce de carnaval

Le raviole da foto é recheado com creme de padeiro

Recheada com mostarda bolonhesa que é uma geleia preparada com pera, ameixa, maçã, noz, uva-passa e sementes de mostarda. Essa iguaria pode ser encontrada também com outros recheios como pera tipo cotogne, ao creme, chocolate e até nutella.

Le tagliatelle

Le tagliatelle all1arancio em uma vitrine de Rimini

Le tagliatelle all’arancio

Na receita do tradicional tagliatelle  é adicionado à massa raspas de limão ou laranja e açúcar caramelado que transforma o tradicional prato de massa em um doce crocante.

Le Zeppole

prato de Zeppole de carnaval com plaquinha escrito as fabulosas zeppole

As “fabulosas” Zeppole recheadas com creme

Chamadas também de le Castagnole em todo resto da Itália, elas são bolinhas doces fritas cobertas com açúcar de confeiteiro.

Podem ser também recheadas com creme padeiro ou chantily.

Le Frittelle

Fritelle

Fritelle doce. fonte Fonte lericettedellamorevero.com

Na verdade um doce típico do Carnaval da Romanha.  Tem a forma de losango é macio por dentro e crocante por fora e para variar, coberto de açúcar.

I tortelloni

Um prato do doce de carnaval I tortelli coberto com açúcar

I tortelloni

Doce em forma de “tortelloni” obtido com uma mistura de farinha, leite, manteiga, sal e tradicionalmente recheado com geleia caseira. Depois de frito é coberto com açúcar e licor alchermes.

Share:
Previous Post Next Post

Você também pode gostar

17 Comments

  • Reply Carla Mota

    Meu DEUS! Isso tem tudo um aspecto de morrer! Doces de Carnaval, que loucura. Adorei. 😀

    fevereiro 18, 2017 at 11:09 pm
  • Reply Viaje Comigo

    Adoro! Tudo, tudo, tudo! 😀 Mas fora dessa época é possível também encontrar esses doces em algumas pastelarias? Onde as podemos provar? Deixo a sugestão de um post com os locais para podermos provar cada uma destas doçuras maravilhosas. Obrigada pela partilha!

    fevereiro 18, 2017 at 11:16 pm
    • Reply Dani Bispo

      Fora da época de carnaval é super difícil de encontrar esses doces. Mas em compensação durante o mês de fevereiro eles estão em praticamente todos os fornos e padarias da cidade

      Bjs

      fevereiro 19, 2017 at 12:24 am
  • Reply Michela Borges Nunes

    Vivendo e aprendendo. Nunca tinha ouvido falar de doces de carnaval, olha só! Que legal! E deu fome ler e ver as fotos deste post delicioso.

    fevereiro 18, 2017 at 11:48 pm
  • Reply Mariana Dutra

    Que delícia! Depois de ler esse post acho que engordei uns dois quilos só de olhar para as fotos dessas gostosuras. Queria comemorar o Carnaval em Bolonha! rsrs

    fevereiro 19, 2017 at 12:07 am
  • Reply Jessica Veneravel

    Gente!!! Já sei em qual data será minha próxima viagem à Itália! hahah Cada coisa mais deliciosa que a outra nas fotos, fico imaginando ao vivo…

    fevereiro 19, 2017 at 6:24 pm
    • Reply Dani Bispo

      Hahahaha essa é boa, pior que sou dessas

      fevereiro 20, 2017 at 9:13 am
  • Reply Adriana Magalhães Alves de Melo

    Só porque tô tentando perder uns quilinhos, esse post me deixou com muita água na boca. Que delícia!

    fevereiro 19, 2017 at 11:00 pm
    • Reply Dani Bispo

      Eu já desisti de perder os quilinhos. Agora me contento em não ganhar rs

      fevereiro 20, 2017 at 9:14 am
  • Reply Fabio

    Miiiinha noooossaa! Que vontade de experimentar todas essas guloseimas! Achei legal que os doces são todos bem diferentes do Brasil, né?! Obs.: Acabamos de voltar de um Festival de Doce de Leite rsrs

    fevereiro 19, 2017 at 11:20 pm
    • Reply Dani Bispo

      Fora aqueles doces que são internacionalmente conhecidos (strudel, cheesecake…) acho os doces daqui diferentes, menos doces também.

      fevereiro 20, 2017 at 9:15 am
  • Reply Guilherme Goss De Paula

    Dani do céu… todos são frito e cobertos com açúcar de confeiteiro? Como não se apaixonar por cada um deles?!?!!? hahaha… O problema é caber nas mesmas roupas depois de uma viagem dessas…

    fevereiro 20, 2017 at 1:50 am
    • Reply Dani Bispo

      Exatamente, feitos e cobertos de açúcar. Super light kkk

      fevereiro 20, 2017 at 9:16 am
  • Reply Marcia Picorallo

    Que gostoso saber dessas tradições! Esse losango eu comia muuuito quando era criança, pois minha mãe e avó sempre faziam – e eu adora cortar a massa!

    fevereiro 20, 2017 at 3:30 am
    • Reply Dani Bispo

      Olha! Que legal!

      fevereiro 20, 2017 at 9:16 am
  • Reply Marcia Picorallo

    Que gostoso saber dessas tradições! Esse losango eu comia muuuito quando era criança, pois minha mãe e avó sempre faziam – e eu adora cortar a massa!

    fevereiro 20, 2017 at 3:30 am
  • Reply Paula Abud

    Como não sou fã e nem adepta da folia carnavalesca do Brasil, adoraria curtir o Carnaval na Bolonha e de preferência recheado desses doces maravilhos *-*
    Beijos.

    fevereiro 20, 2017 at 2:34 pm
  • Leave a Reply