Follow:
Língua Italiana, Vida na Itália

O que você disse? os falsos cognatos em italiano

O português e o italiano pertencem à mesma “família” de línguas. Por isso, vira e mexe, encontramos um brasileiro falando um “portuliano” por aí…

Mas, a similaridade entre as línguas exige cuidado. Algumas palavras na terra das pizzas e dos gelatos têm sentido completamente diferente ao do Brasil.

Para você não errar na hora de falar, fuja dos falsos cognatos em italiano!

Palestra: Não é uma conferência sobre determinado assunto. Na Itália, palestra é o local para exercícios físicos. Se alguém disser que vai a palestra, ele está indo para a academia, para a ginástica.

Burro: Não é o cruzamento do cavalo com a jumenta, ou da égua com o jumento. Burro, na Itália, é manteiga. O burro, animal, em italiano é “asino”.

Caldo: Não é a deliciosa sopinha que tomamos no inverno brasileiro. Caldo, em italiano, significa calor.

Leia também Hábitos Italianos que já incorporei na minha vida

Mórbido: não é falta de vigor ou energia. Por aqui, pedir um pão mórbido não significa que ele virá apático ou tristonho, mas sim macio.

Birra: Não é teimosia. Aqui, uma boa birra é servida gelada. É assim que você deverá pedir sua cerveja na Itália!

Cena: Nada teatral. É apenas o jantar.

Autista: Se ler em um ônibus a frase “È vietato parlare all’autista”, não pense que é um preconceito a quem tem disfunção no desenvolvimento comunicativo. É só um aviso dizendo que “É proibido falar com o motorista”, para não distraí-lo.

Fede: Não tem nenhuma relação com os odores. Por aqui, fede significa fé.

Asilo: É pra onde as pessoas vão quando ainda são pequenininhas. Estranho, né? Mas asilo não é lugar para idosos, como no Brasil. Pelo contrário, é uma escolinha para crianças, antes da idade escolar.

Sentir: relaciona-se à audição.

Testa: É a cabeça inteira, e não só apenas essa região do rosto acima das sobrancelhas. Se bateu aquela dor de cabeça, você está com “mal di testa”.

Massa: Não espere comer uma em italiano. Aqui é pasta (e das mais saborosas!). Massa, na Itália, significa um aglomerado de pessoas, dentre outros significados.

Prego: uma expressão que serve pra tudo, menos para o nosso prego, aquele de metal, que aqui se chama chiodi. Prego cabe nas mais diversas situações, desde o “de nada”, “ok”, “desculpado” ao “por favor”. Prego?

Share:
Previous Post Next Post

Você também pode gostar

2 Comments

  • Reply Barbara

    Muito legal o artigo. Eu já acostumei com essas palavras mas é bom relembrar algumas palavras de que às vezes geravam confusão….

    Fevereiro 3, 2018 at 12:03 pm
    • Reply Dani Bispo

      Pois é! Depois que a gente aprende uma língua nem se lembra dessas palavras kkk

      Fevereiro 3, 2018 at 9:17 pm

    Leave a Reply