Follow:
Onde comer, Pontos turísticos

Mercato di Mezzo, o mercado gastronômico de Bolonha

Depois de permanecer fechada por anos, a antiga praça coberta do Mercato di Mezzo foi restaurada e reaberta em 2014, logo se transformou em uma das principais referências enogastronômicas da cidade.

História

Na idade média o quadrilátero formado entre as ruas Vie Drapperie, Clavature, Pescherie Vecchie, Orefici, Caprarie e Via Rizzoli formavam um grande mercado aberto em pleno centro da cidade, chamado desde aquela época de Mercato di Mezzo.

 

Quadrilátero onde na idade média funcionava o Mercato di Mezzo

Quadrilátero onde na idade média funcionava o Mercato di Mezzo

O mercado estava posicionado ao lado da Piazza Maggiore, um importante lugar de passagem de estudantes, professores, peregrinos e viajantes.

Graças a ele, a cidade de Bolonha se transformou na “cidade da comida”.

Devido a fatos históricos, hoje o Mercato di Mezzo aberto ocupa apenas algumas lojas e bancas na Via Pescherie Vecchie além do antigo edifício na mesma rua.

Esse antigo galpão – onde funcionou quitandas, mercearias e lojas de alimentos – foi completamente restaurado e se tornou um moderno centro gastronômico.

Mercato di Mezzo

A rua principal

A melhor forma de explorar essa parte da cidade é se deixar levar pelas cores e perfumes dos alimentos expostos pelo caminho.

Entre na Via Pescherie Vecchie pelo Palazzo dei Banchi e aprecie tudo o que o mercado tem a oferecer.

Mercato di Mezzo

Frutas, verduras, queijos, frios e até uma peixaria mostram ao visitante o que a Emília Romanha tem de melhor.

A qualidade dos produtos vendidos ali é alta e os preços também, mas isso não afasta muitos bolonheses que durante as manhãs fazem suas compras por lá.

Mercato di Mezzo

Mercato di Mezzo

No final da rua você encontrará o famoso Eataly e imediatamente em frente estará a parte coberta do mercado. Entre ali e você não se arrependerá.


Mercato di Mezzo coberto

Mercato di Mezzo

Mercato di Mezzo

São três andares com quiosques e restaurantes vendendo os mais diversos produtos.

O andar térreo é na realidade uma grande praça de alimentação com mesas comunitárias e quiosques onde os comilões de plantão poderão comprar produtos enogastronômicos da melhor qualidade.

Doces

Doces

Nos quiosques/lojinhas são preparados e vendidos pratos á base de massa, carne, peixe além de queijos, frios, pães, gelato,  pasticceria, sanduíches, cerveja e vinhos.

Nós aconselhamos fortemente o hambúrguer (€10) e  da tagliata (€13) do ex-açougue do RoManzo.

Fica bem na entrada do mercado.

Hamburguer e cerveja

Hamburguer e cerveja

Para acompanhar a cerveja de trigo artesanal Baladin (gosto muito).

Tagliata

Tagliata

No pavimento superior está a pizzaria da rede Rossopomodoro (pizzaria do Eataly).

No andar semi enterrado funciona a cervejaria artesanal Baladin com mesas e cadeiras à disposição.

Mesinhas externas do Mercato di Mezzo

Mesinhas externas do Mercato di Mezzo

O mercado ainda tem uma saída pela Via Clavature onde ficam várias mesinhas que são muito utilizadas nos meses mais quentes do ano.

Vale a pena conhecer.

O Mercato di Mezzo está aberto todos os dias de 08:30h à meia noite.

 

Mercato di Mezzo

Share:
Previous Post Next Post

Você também pode gostar

No Comments

Leave a Reply